Aprovada suplementação para Centro de Integração da Cidadania

13/02/2020 às 00:01:00

A Câmara Municipal de Penápolis aprovou por unanimidade em sua sessão na segunda-feira, dia 10, projeto de abertura de suplementação orçamentária de R$ 1.101.264,56 pela prefeitura  para a  implantação do Centro de Integração da Cidania com a reforma da  antiga estação ferroviária, na Av. Rui Barbosa.  Os recursos serão recebidos do governo de São Paulo  através da  Secretaria da Justiça e Cidadania. A antiga estação ferroviária será transformada num local de concentração de diversos atendimentos de serviços públicos. Na repercussão do projeto da suplementação, o vereador  Francisco José Mendes, o Tiquinho (PSDB), destacou o avanço  a partir de recursos conseguidos com apoio do deputado estadual Roquinho Barbiere. "São muitos os benefícios com a viabilização da reforma da antiga estação ferroviária, como economia de aluguéis para serviços públicos, melhor atendimento à  população  e valorização da área central da cidade".

O vereador José Antonio  Ferres Chacon, o Cabeça (PSD), reforçou agradecimentos  ao deputado Roquinho pelo atendimento e  elogiou a qualidade do projeto desenvolvido pelo arquiteto da Secretaria Municipal de Obras, Reinaldo Morás, para a   reforma da antiga estação ferroviária. "Ficou excelente o projeto. Teremos um embelezamento do centro e muitas outras ações em prol da região", disse Cabeça numa referência também a mais projetos para áreas nas imediações da linha férrea.

Asfalto: O vereador Júlio Caetano (PSD), indicou o recapeamento asfáltico  da Av. Euclydes Bis, no Residencial Haroldo Camilo,   da Av. Pascale  Pentagna, no Jardim Ipê e da Av. Goiás, na Vila  Fátima.  Ele também defende reparos no asfalto na confluência da Rua Nelson Faria  Basílio  com a Av. Euclydes Garcia do Nascimento, no Jardim Aeroporto e na Av. dos Estudantes, na Vila Dona Eugênia.

Luz: O vereador Adalgiso do Nascimento, o Ziza (MDB), indicou a colocação de braços de luz e lâmpadas na esquina da  Av. Luís Osório  com a Rua Antonieta Vilela Ferreira.