Ir para o conteúdo

Câmara de Penápolis e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Siga nossos canais
Câmara de Penápolis
Acompanhe-nos:
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
09
09 MAI 2024
Requerimento questiona previsão para reimplantação da zona azul
enviar para um amigo
receba notícias

A Câmara Municipal de Penápolis aprovou em sua sessão segunda-feira, dia 6, requerimento do vereador Professor Bruno (PSD) na busca de informações da administração municipal sobre o retorno da zona azul na cidade. O pessedista questiona a previsão e os motivos do atraso na efetivação do serviço. Em discurso na tribuna, o autor do documento afirmou que são muitas as reclamações sobre a não efetivação da zona azul. O vereador relatou que a falta de vagas e de melhor ordenação para estacionamento de veículos, prejudicam os consumidores e o comércio da região central. Entre outros problemas, Professor Bruno citou a ocupação indevida de espaço por motocicletas, sem a utilização de bolsões reservados para elas. O vereador Nelson Kbção (União Brasil) contou que sem encontrar vagas para estacionar no último sábado pela manhã, ele acabou desistindo e foi embora da região central do comércio. O vereador Altair Reis (PL) lembrou a mobilização no ano passado na discussão do projeto do Executivo para a nova zona azul e considerou que o Sindicato do Comércio Varejista deve também intensificar cobrança à administração municipal para a implantação do sistema.

O projeto da zona azul foi aprovado pela Câmara Municipal dia  4 de dezembro de 2023. Os trechos  estabelecidos  para a cobrança são a Av.  Rui Barbosa, entre as Ruas Irmãos Chrisóstomo de Oliveira e  Altino Vaz de Mello, Av. Bento da Cruz, entre as Ruas XV de Novembro  e  Brasil, Av. Luiz Ozório, entre as Ruas Irmãos Chrisóstomo de Oliveira  e Brasil, Av. Expedicionário Diogo Garcia Martins, entre as Ruas Irmãos Chrisóstomo de Oliveira e Brasil, Av. Antônio  Define, entre as Ruas Irmãos Chrisóstomo de Oliveira e Altino Vaz de Mello, Rua Altino Vaz de Mello, entre as Avenidas Rui Barbosa e Antonio Define,  Rua Dr. Mário Sabino, entre as Avenidas  Rui Barbosa e Antonio Define, Rua Santa Clara, entre as Avenidas Expedicionário  Diogo Garcia Martins  e Antonio Define, Rua São Francisco, entre as Avenidas Rui Barbosa e Luiz  Osório, Rua Dr. Ramalho Franco, entre as Avenidas Rui Barbosa e Antonio Define, Rua Anchieta entre as Avenidas Rui Barbosa e Antonio Define e Rua Irmãos Chrisóstomo de Oliveira, entre as  Avenidas Rui Barbosa e Expedicionário Diogo Garcia Martins. A cobrança  será por tempos de uma  e duas horas com  valor a ser regulamentado por decreto do Executivo.  A execução do serviço, o que dependerá da contratação pela administração municipal, não tem data programada para ser iniciada.   

VINCULADOS À PÁGINA:
BRUNO CÉSAR DE SOUZA
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia